Grandes reflexões que vão te introduzir aos pensamentos de Carl Sagan!

Carl Sagan foi um cientista que, definitivamente, não teve medo de especular. É claro que ele sabia muito bem separar o que era ciência do que era especulação. Mas o jeito irresistível através do qual relacionava conceitos científicos com conteúdos imaginativos pertinentes tornava seu pensamento único e fascinante para o público leigo. Não é à toa que ele é considerado um dos maiores divulgadores de ciência de todos os tempos.

Além de inspirar toda uma geração de novos cientistas (em grande medida com a série Cosmos), Sagan também adotava um tom poético e filosófico nos assuntos que discutia, tornando suas reflexões ao mesmo tempo belas e dotadas de elementos capazes de despertar uma consciência humanista nas pessoas. Se fôssemos apresentar todas as frases de impacto do astrônomo que têm o potencial de tornar uma pessoa melhor, provavelmente teríamos de escrever um livro. Mesmo assim, resolvemos escolher algumas citações e pensamentos de Carl Sagan que sintetizam certos aspectos centrais da visão que ele tinha das coisas. Se “somos todos poeira de estrelas” é a única referência que você tem sobre as ideias de Sagan, então os tópicos abaixo podem lhe ajudar a se aprofundar um pouco mais no jeito tão especial que ele tinha de encarar o cosmos – e nós mesmos. Não percam no final da postagem o vídeo completo, Um Pálido Ponto Azul! Confira: Continuar lendo

Anúncios

Você pode ter a inteligência de Einstein ou Da Vinci?

Albert Einstein e Leonardo da Vinci nasceram brilhantes ou adquiriram a sua inteligência através do esforço? Ninguém sabe ao certo, mas dizer às pessoas que o trabalho duro supera os genes provoca mudanças imediatas no cérebro e pode torná-los mais dispostos a lutar pelo sucesso, indica um novo estudo da Universidade do Estado de Michigan (EUA).

Os resultados sugerem que o cérebro humano é mais receptivo à mensagem de que a inteligência vem do ambiente, independentemente se isso é verdade ou não. E esta mensagem simples, afirma o principal investigador Hans Schroder, pode nos levar a trabalhar mais.  “Dar às pessoas mensagens que incentivam a aprendizagem e a motivação pode promover um desempenho mais eficiente”, compara Schroder, um pesquisador clínico no Departamento de Psicologia da Universidade de Michigan. “Por outro lado, dizer às pessoas que a inteligência é geneticamente definida pode inadvertidamente prejudicar o aprendizado”. Em uma pesquisa feita anteriormente pela psicóloga Carol Dweck, da Universidade de Stanford (EUA), alunos do ensino fundamental que realizavam uma tarefa foram elogiados pela sua inteligência (“Você é tão inteligente!”) ou por seu esforço (“Você trabalhou muito duro!”) após darem respostas corretas. Continuar lendo

Nikola Tesla descreveu o smartphones e transmissão de dados sem fio em 1926.

Você já deve ter ouvido falar em Nikola Tesla. Ele foi um físico, mecânico e engenheiro elétrico, além de inventor e “futurista”. Taxado de “cientista louco” durante anos, o revolucionário fez um trabalho teórico extraordinário que serviu de base para sistemas modernos de potência elétrica em corrente alternada.

Na época, sua personalidade excêntrica dificultou a aceitação das pessoas com relação a suas teorias e ideias sobre o futuro. Mas hoje, entusiastas de seu trabalho não faltam, sendo um deles o ambicioso empresário Elon Musk, que fundou uma empresa batizada em homenagem a Tesla.  Hoje é fácil reconhecer a genialidade de Tesla, pois vemos que ele estava certo em muitas de suas previsões. Uma delas, incrivelmente certeira, é que se refere à internet e smartphones. Em 1926, a seu modo, Tesla descreveu, em uma entrevista para a revista Collier, o dispositivo que imaginava, cuja descrição bate perfeitamente com o que temos hoje. Leia abaixo: Continuar lendo

As impressionantes previsões de Tesla para o futuro.

Já estamos em 2015 e o povo ainda quer saber: onde raios estão os skates voadores que vimos em “De Volta para o Futuro”? Já andaram fazendo pegadinha com a gente ano passado, com vídeo e tudo. Todo mundo acreditou e quis pedir um na hora. Mas era mentira. #chateado.

Não tenho a menor previsão de que dia/ano essa invenção mirabolante vai chegar ao mercado a fazer parte do nosso dia a dia. Até porque eu não sou nenhuma Nikola Tesla. Esse sim manjava do futuro. Se estivesse vivo hoje, ele provavelmente saberia a resposta. Porque além de ser um físico genial, ele realmente previu um monte de tecnologias do século 21. E com bastante precisão. Em 30 de janeiro de 1926, uma revista chamada Collier publicou uma entrevista com o lendário inventor. Nela, Tesla falou sobre suas previsões surpreendentes para o futuro. Entre elas, ele falava de um mundo de máquinas voadoras, energia sem fio e superioridade feminina. Algumas das previsões foram certeiras. Outras, nem tanto. Continuar lendo

Tudo sobre Carl Sagan!

Carl Edward Sagan nasceu no coração do Brooklyn, o famoso bairro de Nova York, no dia 11 de novembro de 1934. Seus pais não eram cientistas. Na verdade quase nada sabiam sobre ciência. Sua mãe, americana, e seu pai, um imigrante russo que trabalhava como cortador numa indústria de confecções, estavam a somente um passo da pobreza. Assim mesmo souberam ensinar ceticismo e admiração ao jovem Sagan.

Duas formas de pensar que apesar da difícil convivência, são fundamentais no método científico. Sagan sempre quis ser um cientista. Aos doze anos, quando anunciou aos pais que queria ser astrônomo, recebeu apoio incondicional. Apenas seu avô o questionou: “Muito bem”, disse o velho, “mas como é que você vai ganhar a vida”? E se dependesse apenas das escolas primária e secundária, Sagan provavelmente não teria ido longe.   Continuar lendo

Materiais das aulas de Carl Sagan disponíveis online.

Para quem acessa regularmente o Universo Genial, Carl Sagan dispensa apresentações. O principal nome ligado à educação científica e ao combate às pseudociências, ele também foi professor durante mais de 30 anos, primeiro em Harvard e depois em Cornell, tendo sido mentor de diversos cientistas – e também de não cientistas.

Agora, materiais de dois de seus cursos foram digitalizados e estão disponíveis online como parte da coleção online Finding Our Place in the Cosmos, da Biblioteca do Congresso (americano). Os itens do primeiro curso de ciência planetária nos dão uma noção do rigor deste campo de pesquisa; já os itens do segundo, um curso de raciocínio científico, ilustram como a paixão de Sagan pela comunicação científica e argumentação são traduzidas na sala de aula. Continuar lendo

Neil deGrasse terá o primeiro talk show sobre ciência na televisão.

Para quem segue Neil deGrasse Tyson, principalmente nas suas redes sociais, está a par sobre tudo que acontece com esse personagem essencial para a ciência. Sempre que ele entra em um projeto, podemos esperar grandes resultados. Por exemplo, a série de documentários Nova Science Now que teve participação progressiva de Neil deGrasse Tyson da segunda a quinta temporada, fez sucesso tratando de conteúdos relacionado à ciência e ceticismo.

E como se não bastasse, em 2014, Cosmos, série escrita por Ann Druyan e Carl Sagan, voltou em uma nova versão, que relembraria os passos que Carl Sagan – o conhecimento em pessoa – deixou para nós, pequenos seres humanos num grão de poeira suspenso num raio de sol.  Seu programa, que tem estreia em 20 de abril, Star Talk – nome do talk show, cujo carrega o mesmo nome de seu podcast, porém, escrito separadamente. Promete fazer interação direta com o telespectador, e tratar de assuntos recentes sobre ciência e cultura pop com bastante humor incluído. Tyson não herdou seu jeito de divulgar a ciência, ele construiu o seu próprio jeito de cativar as pessoas que o assistem – mostrando que sim, a ciência pode ser divertida. Continuar lendo