Segundo a NASA, os Pilares da Criação já não existem mais.

Antes de qualquer coisa, você sabe o que são os Pilares da Criação? Para quem não faz a mínima ideia do que se trata, nós explicamos: eles são três grandes colunas de gás e poeira que se formaram dentro da Nebulosa de Águia — um recente aglomerado estelar —, que está localizada a aproximadamente 7 mil anos-luz da Terra.

No dia 01/04/1995, o Telescópio Espacial Hubble tirou uma fotografia e registrou o fenômeno que recebeu esse nome por causa do seu formato (“pilares”) e também por conta de estar situado em um local de formação de estrelas (“criação”). Essa imagem se tornou um dos mais famosos registros feitos de fora do Sistema Solar. Entretanto, nessa semana a NASA divulgou novas imagens em alta definição mostrando que os Pilares da Criação já não existem mais e que eles provavelmente já foram destruídos há mais de mil anos, atingidos por uma supernova.

Esse choque ainda não pode ser presenciado aqui da Terra, mas um grande espetáculo está chegando por aí. Quando a imagem foi registrada, a supernova já tinha atingido essas estruturas gigantescas, mas a nossa limitação cronológica impediu que isso fosse registrado desse pequeno grão de areia no qual vivemos, o planeta Terra. Através de telescópios, é possível ver a supernova avançando e destruindo tudo o que consegue atingir pela frente.

O que acontece é que, como ocorre com tudo no mundo, as coisas mudam constantemente. Nossa percepção de tempo é uma ilusão diante da escala cósmica, e, mesmo após terem sido observados, os Pilares da Criação já não existiam mais. Nossos descendentes poderão presenciar uma grande explosão que está prometida para daqui a centenas de anos.

Um dos líderes da observação original pelo Hubble, Paul Scowen, da Universidade do Estado do Arizona, disse: “Estou impressionado pelo quão transitória são essas estruturas. A neblina fantasmagórica azulada em torno das bordas densas dos pilares é um material que se aquece e evapora mesmo no espaço. Os pegamos em um momento muito especial em sua evolução”.

Fonte: http://sploid.gizmodo.com/

Acesse nosso Facebook – https://www.facebook.com/UniversoGenial?ref=hl

Acesse nosso Twitter – https://twitter.com/universo_genial

Acesse nosso Google+ – https://plus.google.com/10760548481248821010

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s