Novas descobertas sobre os objetos mais brilhantes do Universo.

Um acontecimento galáctico irregular foi identificado na nossa galáxia.  A pesquisa é de astrônomos da Universidade de York, no Canadá. Eles identificaram que existe um quasar que está perdendo gás para um buraco negro. As observações anteriores nunca mostraram esse tipo de comportamento. A nossa galáxia, a Via Láctea, possui um quasar em seu centro. Ele é tão imenso que seu raio é maior que a órbita entre a Terra e o Sol. Sua temperatura é superior à superfície de uma estrela. De acordo com os astrônomos, esse objeto cósmico é tão brilhante que pode ser observado de qualquer ponto do universo observável, sendo um dos objetos mais brilhantes já descobertos pela Ciência.

As observações mostram que um quasar deve expulsar seu gás para longe de um buraco negro porque seu calor e emissão de luz são tão intensos que os gases devem ser expulsos em velocidades gigantescas – 60.000 km/segundo. Esse fenômeno cria ventos cósmicos tão poderosos que podem afetar qualquer parte da galáxia que o circunda. Depois de um tempo, o gás emitido acabará caindo e “alimentando” um buraco negro, mas isso não foi o que os astrônomos observaram dessa vez. Ao invés de ser soprado para fora de seu interior em altíssimas velocidades, o que é observado em 99,99% dos quasares, a pesquisa mostrou que na Via Láctea o gás está sendo emitido diretamente para dentro de um buraco negro.

A pesquisa usou dados do Sloan Digital Sky Survey. O chefe do estudo, Patrick Hall, e sua equipe, estudaram 17 quasares em galáxias distantes onde os gases estão caindo dentro de buracos negros. Isso só ocorre com 1 a cada 10 mil quasares, evidenciado um novo tipo de relação entre quasar e buraco negro.

Teorias Possíveis.

Existem duas explicações: A primeira é extremamente óbvia. Nada consegue escapar de um buraco negro. Sendo assim, mesmo os gases viajando a velocidades gigantescas, a força do buraco negro pode ser grande o suficiente para atrair toda a massa gasosa que dispara de um quasar.

A segunda diz que o gás não está caindo no buraco negro e sim orbitando em torno dele e caindo aos pontos em seu interior, exatamente como ocorre quando se coloca objetos em uma pia com a água girando e retira-se a tampa do fundo. Isso explica porque as observações mostram o gás se afastando em relação a nós. Ainda existem muitos pontos nebulosos sobre os fabulosos quasares e os bizarros buracos negros que os astrônomos esperam compreender melhor.

O que é um quasar?

São objetos cósmicos com poder energético inimaginável. Eles possuem um núcleo galáctico extremamente ativo, com tamanho maior que uma estrela, porém menor que o mínimo necessário para ser uma galáxia. Um único quasar emite até 1.000 vezes a luz de uma galáxia inteira com 100 bilhões de estrelas! São considerados os maiores emissores de energia de todo o Universo.

Fonte: http://www.jornalciencia.com

Acesse nosso Facebook – https://www.facebook.com/UniversoGenial?ref=hl

Acesse nosso Twitter – https://twitter.com/universo_genial

 
Anúncios

2 comentários em “Novas descobertas sobre os objetos mais brilhantes do Universo.

  1. tá muito estranha essa matéria; afirmar que a via-láctea possui um quasar em seu interior é inusitado. Quasars são considerados objetos de galáxias primordiais, e se a nossa via-láctea possuiu um em seu interior, já foi há bilhões de anos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s