Cientistas recebem Nobel de Física pela descoberta do Bóson de Higgs.

Aquele prêmio tão desejado pelo nosso querido personagem Sheldon Cooper, da série The Big Bang Theory, finalmente chegará às mãos dos cientistas do CERN, que descobriram e identificaram a existência da “partícula de Deus”, batizada de Bóson de Higgs. Os cientistas e doutores em física, Peter Higgs e François Englert, foram agraciados com o Prêmio Nobel de Física pelo trabalho que tomou conta das notícias de ciência em 2012 e 2013 sobre a descoberta que poderia explicar como as partículas elementares do universo obtiveram a sua massa logo após o Big Bang.

405924307008201249

A Academia Real de Ciências da Suécia anunciou os vencedores do prêmio em uma coletiva de imprensa realizada ontem de manhã, em Estocolmo. Os dois cientistas vão dividir um prêmio de oito milhões de coroas suecas (o equivalente a 1,2 milhões de dólares), que serão entregues em uma cerimônia na mesma cidade no mês de dezembro.  Peter Higgs, de 84 anos, doutor em física e professor britânico da Universidade de Edimburgo, previu a existência da partícula que leva o seu nome em 1964, quando ele teorizou uma espécie de mecanismo (nomeado como mecanismo de Higgs) de geração de massa, que é um processo que dá massa às partículas elementares através da interação com o campo que permeia todo o espaço.

Já François Englert (de 80 anos) e Dr. Robert Brout (falecido em 2011), os físicos belgas da Universidade Livre de Bruxelas, conseguiram superar Higgs por duas semanas com um documento de 1964, que define a existência de um campo de força invisível que doa partículas elementares com massa.

“Estou impressionado por receber este prêmio e quero agradecer a Academia Real de Ciências da Suécia. Eu também gostaria de felicitar todos aqueles que contribuíram para a descoberta dessa nova partícula e de agradecer aos meus familiares, amigos e colegas pelo apoio”, disse Higgs em um comunicado publicado no site da Universidade de Edimburgo, após o anúncio da premiação.

Já Englert expressou sentimentos semelhantes em uma entrevista por telefone com jornalistas na coletiva de imprensa de hoje: “Estou muito, muito feliz por ter o reconhecimento deste prêmio extraordinário. O que mais posso dizer?”, disse.

4059243078115116

Em julho de 2012, os pesquisadores do CERN (Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear) anunciaram que haviam identificado uma partícula consistente com o Modelo Padrão do Bóson de Higgs após a realização de uma série de experimentos no Grande Colisor de Hádrons (LHC), em Genebra, na Suíça.

Os estudos continuam, pois, embora o CERN já tenha afirmado que os dados disponíveis hoje são duas vezes maiores do que na época do anúncio da descoberta da partícula em julho do ano passado, eles ainda precisam de uma confirmação definitiva de que a partícula é de fato o modelo padrão do Bóson de Higgs.

“É claro que estamos lidando com um Bóson de Higgs, mas ainda temos um longo caminho a percorrer para saber que tipo é. Encontrar a resposta a esta pergunta vai levar tempo”, disse Joe Incandela, físico de partículas e porta-voz do projeto.

Fonte:http://www.theverge.com

Acesse nosso Facebook – https://www.facebook.com/UniversoGenial?ref=hl

Acesse nosso Twitter – https://twitter.com/universo_genial

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s