Restos de supernova podem ser encontrados em bactérias pré-históricas.

Um material que não se forma na Terra (isótopo Ferro-60) foi encontrado em 2004 no fundo do Oceano Pacífico e, de acordo com as análises da época, a fonte teria sido uma supernova ou, mais precisamente, seus restos que chegaram ao nosso planeta 2,2 milhões de anos atrás. Agora, um grupo de pesquisadores liderado pelo físico Shawn Bishop, da Universidade Tecnológica de Munique (Alemanha) investiga se é possível encontrar esse “metal extraterrestre” em fósseis.

1.12797_Cass-A-NASA-600x456

Entre os candidatos estão fósseis de bactérias pré-históricas que absorvem ferro do ambiente para produzir minúsculos cristais magnéticos e, com eles, se orientar a partir do campo magnético da Terra. A equipe adquiriu amostras de sedimentos do fundo daquela região do Pacífico que datam de 1,7 milhões a 3,3 milhões de anos atrás. Em seguida, dividiram o material em camadas correspondentes a intervalos de 100 mil anos e usaram processos químicos para extrair ferro unicamente de fontes biológicas – evitando pegar Ferro-60 que teria vindo de rochas continentais, por exemplo.

De acordo com análises preliminares, existem, sim, traços do “ferro extraterrestre”, que teria chegado ao planeta junto com destroços radioativos de uma estrela – não se sabe qual, mas acredita-se que ela fizesse parte dos conjuntos estelares de Escorpião e Centauro e estivesse a 424 anos-luz do sol.

Acesse nosso Facebook – https://www.facebook.com/UniversoGenial?ref=hl

Acesse nosso Twitter – https://twitter.com/universo_genial

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s